segunda-feira, setembro 07, 2009





Tanto tiempo
disfrutamos este amor
Nuestras almas
se acercaron tanto asi
Que yo guardo tu sabor
Pero tu llevas tambien
sabor a mi

8 Uivos:

Blogger Paula Raposo uivou...

Nem mais, Maria!! Tem que ser assim...sabor de um e sabor de outro! Beijinhos (enviei-te um email...).

7:37 da tarde  
Blogger Lobo velho da Serra uivou...

Apesar de sabor a tango, isto não passa da vingança do chinês...
Mas, ao que parece, a vingança é o prazer dos Deuses e convém ser servida fria.Assim aconselham os Pantagrueis...
Não ligues!
Não percebo nada de gastronomia de Deuses... Nunca provei! Sou incapaz de verificar se a ambrósia está "en su punto" ou se a vingança ficou gelada demais e não passa por qualquer garganta sem a deixar rouquejante...

11:38 da manhã  
Blogger Lobo velho da Serra uivou...

Este comentário foi removido pelo autor.

11:44 da manhã  
Blogger Apenas eu uivou...

e é isso mesmo.
ficam os sabores...

beijinho

9:19 da tarde  
Blogger Rodolfo N uivou...

Hermosísimo bolero...

" Tanto tiempo disfrutamos de este amor
nuestras almas se acercaron tanto así
que yo guardo tu sabor
pero tú llevas también
sabor a mi.

Si negaras mi presencia en tu vivir
bastaría con abrazarte y conversar
tanta vida yo te di
que por fuerza tienes ya
sabor a mi.

No pretendo ser tu dueño
no soy nada yo no tengo vanidad
de mi vida doy lo bueno
soy tan pobre que otra cosa puedo dar.

Pasarán más de mil años, muchos más
yo no sé si tenga amor la eternidad
pero allá, tal como aquí
en la boca llevarás
sabor a mí".

Es mu lindo que sean universales estos versos.
Besos amiga!

2:49 da tarde  
Blogger joaninha uivou...

... se o sabor não for a café...

Interessante e suave este poema. Um pouco de ti com muito amor... Gostei!
Mil beijitos amiga.

5:50 da tarde  
Blogger Cleopatra uivou...

Arrepio...........

10:55 da manhã  
Blogger Rabisco uivou...

Pode passar todo o tempo que passar, mas o sabor de quem um dia se perdeu realmente nos braços de outro alguém nunca se perde...

12:02 da manhã  

Enviar um comentário

<< Home