domingo, outubro 23, 2005

Lições



A mãe tinha-lhes ensinado algo como Compaixão, Amor, Solidariedade e Partilha.
Quando chegaram a Adultos, lamentou não lhes ter ensinado algo como Manipulação, Indiferença, Egoismo e Canalhice.
Mas quando uma das filhas, de lágrimas, grossas como punhos a correrem-lhe rosto abaixo, lhe contou que encontrara, num transporte publico, um Senhor que lhe disse, olhos nos olhos:
- Não sou drogado, não tenho sida, não sou ladrão mas não tenho dinheiro para comer nem uma casa oara dormir e esta noite vai chover.
Os cinco euros que ela tinha passaram de mão e ela nesse dia não almoçou...
- Também, estou gorda... - comentou, sustendo os soluços.
A mãe nunca mais vai estar arrependida de os ter ensinado assim.

13 Uivos:

Blogger Ivy uivou...

Despite new bans, government still has trouble policing Internet
File photo The Associated Press In a file photo Chinese youth use computers at an Internet cafe in Beijing Saturday June 18, 2005.

Excellent!!!

You may want to check out dating services online - HotDateToday.com

It is a dating services online site.

Find Yourself a Date Now at dating services online - HotDateToday.com

9:00 da tarde  
Blogger Zica Cabral uivou...

é pena que as mães todas não deEm aos seus filhos essas lições de vida. Se assim fosse, a asolidadriedade para com os mais velhos que nos abriram os caminhos , era uma palavra real. Infelizmente os idosos são abandonados em Portugal de uma maneira escandalosa e não é de agora. E quando eu vejo jogadores de football ganharem incriveis fortunas num país em que há pessoas a morrer à fome sem abrigo fico raivosa. Quando eu vejo canalhas politicos a encherem os bolsos enquanto os que trabalharam para que eles podessem estar mno poleiro agora , estão sem abrigo sem casa e sem comida fico revoltada .
Bem hajas Maria por teres trazido um assunto tão delicado
Beijokas grandes
Zica

9:16 da tarde  
Blogger nadanovo uivou...

Fico num silencio comovido, loba. Tu conheces-me um pouco.

Bjs.

:) Ainda bem que fizeste este post!

9:34 da tarde  
Blogger Furão uivou...

Cinco euros? Isso é muito, querida! É quase meio copo de vodka na Casa do Castelo!

Arghhhhhhhhh


Bjs

3:53 da tarde  
Blogger Vera Cymbron uivou...

Doeu-me!
Jinhos

11:40 da tarde  
Blogger José António uivou...

Olá Maria.

Disseste para vir cá e aqui estou, mergulhado na noite profunda.

É um texto prenhe de emoção, sem dúvida.
Pois é... os bons sentimentos ficam bem. Também fui educado neles, e procuro transmiti-los aos mais novos.
Mas vivemos num mundo cínico onde o gatuno foge a gritar "Agarra que é ladrão!" (para que todos se desviem da frente dele).
As estratégias de hoje para 'sacar' mais uns trocos também passam pela aparente sinceridade. É preciso aprender a ser solidário, mas é preciso também aprender a não cair no conto do vigário.
E, desculpa-me a sinceridade, mas se o homem não tinha nada a não ser falta de dinheiro, porque é que não vai trabalhar? Nem que seja nas obras! Basta-lhe fazer de conta que é kosovar... que arranja logo trabalho.

Hoje estou assim. Estórias deste teor lembram-me sempre que "se vires um homem com fome, não lhe dês o peixe, ensina-o a pescar".

bjs.

5:07 da manhã  
Blogger LUA DE LOBOS uivou...

Eu entendo-te muito bem mas se calhar neste mundo o prazo de validade acaba aos 35 anos e bem aventurado é quem tem trabalho ou emprego.
Lamento mas ensinar a pescar é bom quando há linha, isco e peixe na água...
Achas que alguem velho tem alguma chance de lhe darem trabalho????
Aqui em Portugal???
Acorda para a realidade.
Tenho uma filha, aluna brilhante que terminou um curso em que foi a melhor a nível da Península Ibérica e que o melhor que arranjou(e único) foi ser tarefeira num banco por dois meses e com um salário perfeitamente caricato.
xi coração da
maria

9:42 da manhã  
Blogger LUA DE LOBOS uivou...

E esqueci-me de mencionar que entre vários colegas tarefeiros como ela, se encontram economistas, arquitectos, gestores, etc e que até há um que vem do Entroncamento todos os dias para Lisboa.
É isto que se está a passar no nosso Portugal!!!!!

9:45 da manhã  
Blogger Caracolinha uivou...

Minha querida amiga ... deixo-te uma beijoquinha muito ternurenta com os olhos rasos de água depois de ler as palavras que nos deixas neste magnífico post ... um beijo do tamanho da grandeza que tu és como pessoa, tenho um imenso orgulho em me ter cruzado contigo ;)

12:03 da tarde  
Blogger José António uivou...

Olá Maria.

O meu comentário não tinha nada a ver com velhos. Isso não estava explícíto no texto. Referia "um Senhor", o que podia ser uma ironia, e foi como interpretei.

Já acordei para a realidade há muito tempo e da maneira pior.
Não vou desfiar aqui o rosário, não é o local próprio, mas acredita que conheço BEM esses problemas todos (e talvez outros que nem sonhas...)

O que eu quis dizer é que a caridade não resolve problema nenhum a ninguém, a não ser talvez a necessidade que algumas pessoas têm de bater com a mão no peito.
Os problemas resolvem-se com Solidariedade e com medidas politicas para as quais não vejo coragem nenhuma.

Portugal já não é "um lugar mal frequentado". Deixou de ser um lugar...

bjs,

6:07 da manhã  
Blogger Avozinha uivou...

Há muitas ocasiões em que temos simplesmente de dar, contra toda a lógica.

10:08 da manhã  
Blogger Paula Raposo uivou...

Bonito! Há valores que são para toda a vida! Beijos

6:49 da tarde  
Blogger Menina_marota uivou...

Os valores que conseguimos ensinar aos nossos filhos, um dia serão a melhor herança deles...

Um texto triste, mas ao mesmo tempo com uma força de sentimento, muito grande.

Um abraço terno ;

8:17 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home